domingo, 28 de fevereiro de 2010

insanidade..

Como me sinto hoje?!!
A resposta é aterradora,
devastadora,
assola de tal forma a minha alma
que as minhas entranhas
se remexem num incessante
compasso da minha angústia.

É fome,
desejo,
dor,
é vontade de ter,
de querer,
de fugir,
morrer, talvez!

Tão assustadora,
quanto penosa,
a perspectiva da insanidade,
que completamente tomou conta de mim.

Resisto,
e olho ao fundo de mim,
respiro,
e tento que o pensamento acalme,
o coração desacelere,
e alma finalmente descanse.

2 comentários:

Pedro disse...

Obrigado. :)

Tati Rodrigues disse...

e conseguiste? a insanidade persegue, e só o tentar resistir já parece loucura...

bjs guria, saudade de ti acredita?

até.